Topo
K-Pop Pop Pop

K-Pop Pop Pop

HyunA e DAWN estão finalmente livres em seus novos projetos solo

Camila Monteiro

05/11/2019 09h20

Finalmente chegou o dia do lançamento das novas carreiras solo de HyunA e E'Dawn, que agora virou apenas DAWN. Depois da Cube, ex-gravadora de ambos, ter finalizando o contrato do casal porque eles admitiram que estavam em um relacionamento há 2 anos – sim, foi isso mesmo que aconteceu – PSY, em sua recém inagurada empresa, a PNATION, contratou os dois idols, que resolveram ter comeback no mesmo dia, hoje, 5 de novembro.

Hyuna e Dawn no lançamento de seus solos (reprodução/@Kpop_herald)

Hyojong, agora DAWN, e ex-E'Dawn, era o membro mais popular da Pentagon junto com Hui, e ambos faziam parte de um dos melhores projetos paralelos de kpop dos últimos tempos, a TripleH (Hyuna, Hui e Hyojong) ao lado de Kim HyunA (veja o vídeo abaixo e entenda o apelo). Quem acompanhava o grupo percebia a química de ambos e a Cube nunca pareceu se importar, inclusive usava isso a seu favor.


No entanto quando os idols assumiram o relacionamento, o tratamento da empresa foi no mínimo antiquado, e além de tirar ambos de circulação, não deixou nenhum se comunicar com o público. Os fãs se revoltaram com o tratamento, que reflete bastante o problema que é para os idols se relacionarem abertamente com outras pessoas. Embora E'Dawn estivesse ainda no início da sua carreira, HyunA é uma das maiores forças do kpop. Diferente, ousada, e polêmica para os padrões coreanos, ela é um nome conhecido dentro e fora do país, fez parte brevemente da incrível Wonder Girls e posteriormente de 4Minute, onde ela sempre foi o centro. Com esse background, e amizade com PSY, outro grande nome do kpop, ela foi contratada e levou Dawn junto. Esse talvez tenha sido o momento em que todos os fãs de kpop concordaram em algo: Psy, obrigada por ajudar o casal.

Hoje (5) além de coletiva de imprensa juntos para apresentação dos novos trabalhos, HyunA e DAWN lançaram seus MVs, Flower Shower e Money, respectivamente. Em Flower Shower, HyunA não quer ser apenas uma flor, mas o jardim inteiro. Com sua voz única, essa talvez seja a música que melhor represente a cantora, agora livre, criando seu próprio caminho – de flores e amor -, em um vídeo com uma ótima produção, repleto de visuais e coreografia interessantes. HyunA está a própria May Queen de Midsommar, versão contente e realizada.

HyunA criando seu próprio caminho de flores.

E servindo visuais incríveis, tanto na cenografia quanto nas roupas escolhidas.

FLOWER SHOWER
👑QUEEN HYUNA👑
She knows how its done pic.twitter.com/VgHiiI71Z8

— ☆♡♡☆♡♡☆♡♡☆ (@LillySm22216575) November 5, 2019

O interessante é ver que HyunA e DAWN seguiram caminhos completamente opostos artisticamente. Se estávamos num dream pop colorido e florido com ela, em MONEY entramos num universo paralelo, com dinheiro jogado por todos os cantos em uma música e ambiente que nos lembram do que o capitalismo há de pior. Hyojong sempre teve um visual meio junkie, e aqui isso vai ao extremo. Machucado, com bandaid como acessório – literalmente – e numa espécie de galpão Clube da Luta, ele nos explica como o dinheiro move a indústria, os idols, e a vida dele mesmo (quando ele precisava pedir para os pais). Entre varais de dinheiro e uma excelente coreografia, DAWN lembra que apesar de todos os prós, ele vai brilhar mesmo sem grana.

Interessante perceber como a felicidade de ambos é o centro das canções. Flower Shower é uma espécie de libertação de HyunA, com ela nos mostrando que ela criou sua própria felicidade apesar de tudo que ela teve que enfrentar (empresa, mídia, haters). E Dawn nos entrega uma jornada, mostrando os lados de uma indústria complicada, e no fim nos dizendo que tudo pode dar certo quando a pessoa tem liberdade de escolher.

 

Sobre a autora

Camila Monteiro é jornalista e estudante de doutorado em música, mídia e fandoms. Ama cultura pop e é muito fã de Bangtan. Sua vida se divide em antes e depois que ela viu Park Jimin na sua frente.

Sobre o blog

Nesse espaço discutiremos o Universo Kpopper: fandoms, bandas, debuts, disbands, MVs, álbuns, tours, coreografias, Coréia e tudo que o K-Pop nos oferece. Entre visuals, rappers e vocalistas, ultimates e bias wrecker estabelecido(a)s, vamos refletir sobre as diferentes gerações do pop coreano, a influência na moda, beleza, cultura e como o K-pop muda a vida das pessoas.

KPop Pop Pop